contact
Test Drive Blog
twitter
rss feed
blog entries
log in

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

E se fosse mesmo verdade - ela disse - se eu a amasse... Vimos a ultima estrela se perder na claridade do dia, o sol ardia... Em breve estariamos de volta para nossas vidas insípidas nas quais é proibido amar de verdade... Olho daqui de cima a cidade, e todas essas pessoas que jamais se conhecerão... E quando te vejo tão perto de mim, vejo que assim, somos a sintese pensada do que talvez sentimos ou talvez pensamos sentir... Te ver é melhor que viver, te tocar é melhor que sonhar, nada é tão perfeito quanto estar dentro de você... E se ela também te amasse - eu disse - só há um jeito de saber... Ela preferia o amor assim, sem avisos, sem confissões... "Ela que decifre, o que meus olhos tem a dizer, enquanto isso codifico minha alma, meu corpo é tudo que vais ter"... Já é o bastante, não obstante tenho algo a dizer... E se eu te amasse - eu disse - como ia ser... Ela não me soube responder...
Modelos: ***/ Foto: ***/ Postado por: Gê Heros Delarge

3

3 comentários:

  • Anônimo on 27 de fevereiro de 2009 11:49

    Ela preferia o amor assim, sem avisos, sem confissões... "Ela que decifre, o que meus olhos tem a dizer, enquanto isso codifico minha alma, meu corpo é tudo que vais ter"

    amei essa parte*-*

  • Mai Kovac on 27 de fevereiro de 2009 11:50

    Ela preferia o amor assim, sem avisos, sem confissões... "Ela que decifre, o que meus olhos tem a dizer, enquanto isso codifico minha alma, meu corpo é tudo que vais ter"
    amei essa parteee*-*
    mais nao sabia por meu nome¬¬
    auhAHUAUHAHU
    agora arrumei eu axo

  • Seguidores

    Followers